Aracaju, 11 de Dezembro de 2018
SERGÁS lançará chamada pública para compra de Gás Natural


Visando aumentar o potencial de mercado do Gás Natural Canalizado no estado de Sergipe, a Sergipe Gás S/A dará início a um processo de chamada pública para a compra de Gás Natural de supridores independentes. A iniciativa é parte de um esforço conjunto das distribuidoras de Gás Natural do nordeste brasileiro que juntas somam um volume potencial de aquisição de 9,4 milhões de metros cúbicos de Gás Natural por dia.

Com o novo posicionamento estratégico da Petrobras e o direcionamento para uma política de desinvestimento e redução gradual na participação na cadeia de Gás Natural evidenciou-se a necessidade de desenvolver novas possibilidades de suprimento de Gás Natural para as distribuidoras do nordeste, estimulando as mesmas a buscarem supridores que possam ofertar o Gás Natural em condições que estimulem a competitividade do Estado de Sergipe de atrair novos investimentos.

Em antecipação ao fim do contrato de suprimento de Gás Natural com a Petrobras, em 2019, a SERGAS possui a expectativa de atrair, em conjunto com as demais distribuidoras, ofertas nacionais e internacionais de fornecimento de Gás Natural. A chamada pública para compra de Gás Natural estimulará a competição no suprimento da molécula de Gás e pode  resultar no aumento da competitividade da tarifa em Sergipe.

Segundo o Diretor Presidente da SERGAS, Eugênio Dezen, esta iniciativa em Sergipe é viável graças à recente implantação da Usina Termoelétrica Porto Sergipe I, que introduz a oferta de Gás Natural Liquefeito (GNL) no estado e consequentemente as oportunidades de novas fontes de suprimento de Gás Natural em Sergipe.

Qualquer produtor, importador, ou agente comercializador pode participar da chamada pública que se iniciará ainda em 2018. A SERGÁS possui 27.246 clientes e distribui diariamente um volume de 245,4 mil metros cúbicos de Gás Natural canalizado para a indústria, comércio, residências e postos de combustível em 7 municípios sergipanos (dados de Julho/18).

 Além da SERGÁS, as distribuidoras de Alagoas, Bahia, Ceará, Paraíba, Pernambuco e Rio Grande do Norte. (Algás, Bahiagás, Cegás, Pbgás, Copergás e Potigás, respectivamente) também farão parte da ação.

Apesar de ser elaborada de forma coordenada, a chamada pública não resultará numa compra conjunta de gás natural. Cada companhia lançará o seu próprio edital e realizará a aquisição de forma individual.

Saiba mais
Manifeste
Comunicar erro
Utilize este espaço para comunicar erros encontrados
nas matérias publicadas pelo NE Notícias.


limite de caracteres:
Enviar




limite de caracteres:
Fale com o NE
Este é o seu contato direto com o NE. Preencha o
formulário e envie o seu recado.


digite o código abaixo e clique em enviar
    
NE no Facebook      NE no Facebook
NE no Twitter      NE no Twitter
Desenvolvimento: Goweb Tecnologia
Projeto Gráfico NE Notícias - Leia hoje as notícias de amanhã Todos os direitos reservados