Aracaju, 21 de Outubro de 2018
Meses depois de Gilmar, governo encaminhará PL sobre estabilidade na FHS


“Vamos encaminhar para a Assembleia Legislativa a solução para este problema, conforme prometemos”, diz Belivaldo sobre a situação dos servidores da FHS

Governo encaminhará PL que garantirá estabilidade dos servidores da Fundação Hospitalar de Saúde na próxima segunda-feira, 13. Documento será assinado pelo governador nesta sexta-feira

Durante entrevista no programa Tolerância Zero, nesta quinta-feira (09), o governador Belivaldo Chagas anunciou o posicionamento do governo do Estado sobre a situação dos servidores da Fundação Hospitalar de Saúde. “A partir da próxima semana, nós vamos encaminhar para a Assembleia Legislativa a solução para este problema, conforme prometemos. Já me reuni essa semana com a Procuradoria Geral do Estado e já encontramos a solução. Estarei assinando amanhã o projeto de lei”, declarou.

Conforme foi amplamente declarado pelo gestor do executivo estadual, o governo de Sergipe sempre se empenhou em manter os servidores e garantir que ninguém saísse prejudicado. 

Como acordado entre o Estado e o Ministério Público Federal (MPF), a FHS deverá ser extinta até 31 de março de 2019.

Governo chega meses depois de Gilmar

O único projeto que tamita na Assembleia Legislativa que aponta saída jurídica para a estabilidade dos empregados concursados da Fundação Hospitalar de Saúde é de autoria do deputado Gilmar Carvalho (PSC).

Meses depois da iniciativa do parlamentar, o governo anuncia que enviará projeto na próxima segunda´feira.

Saiba mais
Manifeste
Comunicar erro
Utilize este espaço para comunicar erros encontrados
nas matérias publicadas pelo NE Notícias.


limite de caracteres:
Enviar




limite de caracteres:
Fale com o NE
Este é o seu contato direto com o NE. Preencha o
formulário e envie o seu recado.


digite o código abaixo e clique em enviar
    
NE no Facebook      NE no Facebook
NE no Twitter      NE no Twitter
Desenvolvimento: Goweb Tecnologia
Projeto Gráfico NE Notícias - Leia hoje as notícias de amanhã Todos os direitos reservados