Aracaju, 17 de Janeiro de 2018
Para Ministério, Plano de Segurança produziu "resultados efetivos" em Sergipe


Apesar de o atual Plano de Segurança Pública estar sendo revisto, o Ministério da Justiça avalia que ele produziu resultados efetivos no Rio e em mais três estados onde teve ações implementadas - Rio Grande do Norte, Sergipe e Rio Grande do Sul. 

Segundo o almirante Alexandre Mota, secretário-adjunto da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), os convênios serão renovados com os estados.

- Posso dizer que ele (plano) pode ser aprimorado. Agora, digo o seguinte: em Sergipe, no Rio Grande do Norte e no Rio Grande do Sul, os resultados são expressivos. Falei com os secretários de Segurança, e os níveis de criminalidade caíram. Então, o plano não deu errado. Estou renovando agora com os três estados e o Rio, que derivou depois- afirmou Alexandre Mota.

Além dos três estados, o Rio de Janeiro também foi contemplado com recursos da pasta. Segundo o secretário-adjunto da Senasp, o estado vai receber mais verba para comprar viaturas para a Polícia Militar. Boa parte dos esforços financeiros e operacionais foram alocados para a redução do roubo de cargas no estado.

- Com o problema (de insegurança) do Rio de Janeiro, nós entramos muito fortes no Rio. Hoje, estou com 600 homens e 110 viaturas. Estou fazendo convênio para que a Polícia Militar possa comprar viaturas, porque ela não tem como fazer a manutenção. Estou passando R$ 37 milhões - disse Mota, acrescentando que as ações incluem também a Polícia Rodoviária Federal (PRF). - Estamos financiando a PRF no Rio, que trabalha em conjunto com a Força (Nacional de Segurança). O resultado nos roubos de carga tem sido expressivos.

Saiba mais
Manifeste
Comunicar erro
Utilize este espaço para comunicar erros encontrados
nas matérias publicadas pelo NE Notícias.


limite de caracteres:
Enviar




limite de caracteres:
Fale com o NE
Este é o seu contato direto com o NE. Preencha o
formulário e envie o seu recado.


digite o código abaixo e clique em enviar
    
NE no Facebook      NE no Facebook
NE no Twitter      NE no Twitter
Desenvolvimento: Goweb Tecnologia
Projeto Gráfico NE Notícias - Leia hoje as notícias de amanhã Todos os direitos reservados