Aracaju, 19 de Novembro de 2017
OUÇA ASSASSINO: Mulher alvejada por ex-companheiro em bar na praia pode ficar paraplégica


Uma ação rápida das polícias Civil e Militar na tarde deste domingo, 12, culminou na prisão de Moacir Horácio Pereira, 48 anos. Ele é acusado pelo atentado em um bar na Rodovia José Sarney ocorrido no final da manhã do mesmo dia, que resultou na morte de Manoel José de Freitas Júnior e deixou uma mulher, identificada como Itamara Ernestiva Amaral Santos, gravemente ferida.

De acordo com o delegado Kássio Viana, do Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), logo após o crime, as equipes da PM e PC se dirigiram até o local e colheram as primeiras informações, entre elas, a de que o autor dos disparos também estava em uma das mesas do bar, momento em que se dirigiu até o casal e iniciou os disparos. "A mulher foi a primeira a ser atingida. Já o seu atual companheiro teria tentado fugir, mas foi perseguido e novamente alvejado, vindo a óbito no local. Acredita-se que a motivação do crime tenha sido ciúmes, já que o acusado estava inconformado com o fim do relacionamento. Trata-se de um crime de feminicídio.”, disse o delegado.

deAinda segundo Kássio Viana, o crime passional foi confirmado após a declaração da mulher vítima que, ainda quando recebia os primeiros atendimentos, afirmou que o autor dos disparos era seu ex-marido e que, desde o término do relacionamento, ela vinha sendo ameaçada por ele. A vítima foi socorrida e encaminhada ao Hospital de Urgência de Sergipe (Huse).

Prisão do suspeito

De acordo com o delegado Kássio Viana, a partir do depoimento da vítima e identifacação do autor do crime, equipes da PM e PC iniciaram diligências no intuito de localizar o suspeito. Ele foi preso pelos policiais do DHPP no Povoado Mussuca, localizado no município de Laranjeiras, e encaminhado à delegacia, onde serão adotadas as devidas providências. "Até onde sabemos, o autor do crime não possuía nenhuma passagem pela polícia. Certamente as equipes darão continuidade as investigações a fim de descobrir mais sobre o indivíduo", afirmou Kássio.

Saiba mais
Manifeste
Comunicar erro
Utilize este espaço para comunicar erros encontrados
nas matérias publicadas pelo NE Notícias.


limite de caracteres:
Enviar




limite de caracteres:
Fale com o NE
Este é o seu contato direto com o NE. Preencha o
formulário e envie o seu recado.


digite o código abaixo e clique em enviar
    
NE no Facebook      NE no Facebook
NE no Twitter      NE no Twitter
Desenvolvimento: Goweb Tecnologia
Projeto Gráfico NE Notícias - Leia hoje as notícias de amanhã Todos os direitos reservados