Aracaju, 24 de Junho de 2017
CAIXA 2: É gravíssima a situação de Edvaldo Nogueira


A procuradora regional eleitoral Eunice Dantas esclarece nesta segunda-feira, 12, como está a investigação criminal contra o prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) por suposto uso de Caixa 2 às vésperas do segundo turno da campanha eleitoral em que derrotou o deputado federal Valadares Filho (PSB),em 2016.

NE Notícias apurou que é GRAVÍSSIMA a situação do prefeito, e que tudo poderá ser constatado ao longo das investigações.

Gravações de conversas às vésperas das eleições municipais mostram os caminhos de vultosas quantias sacadas, objeto da investigação que está sendo feita pela procuradora Eunice Dantas.

Entretanto, não cabe mais o ajuizamento de ação eleitoral, conforme esclarece a Procuradoria Regional Eleitoral: ¨o tocante ao ajuizamento de ações cíveis eleitorais, que poderiam resultar em perda do mandato, decretação de inelegibilidade e pagamento de multa, não havia mais prazo para o ingresso deste tipo de ação. A legislação eleitoral determina que as ações cíveis de perda de mandato só podem ser ajuizadas até 15 dias depois da diplomação dos candidatos eleitos. A PRE/SE esclarece ainda que a investigação criminal em questão é restrita à apuração de eventual prática de caixa 2, conduta essa que caracteriza o crime de falsidade para fins eleitorais (Art. 350 do Código Eleitoral). O uso de caixa 2 ficará caracterizado se for comprovado que houve uso de recursos financeiros na campanha que não foram declarados à Justiça Eleitoral na prestação de contas de Edvaldo Nogueira¨.

Saiba mais
Manifeste
Comunicar erro
Utilize este espaço para comunicar erros encontrados
nas matérias publicadas pelo NE Notícias.


limite de caracteres:
Enviar




limite de caracteres:
Fale com o NE
Este é o seu contato direto com o NE. Preencha o
formulário e envie o seu recado.


digite o código abaixo e clique em enviar
    
NE no Facebook      NE no Facebook
NE no Twitter      NE no Twitter
Desenvolvimento: Goweb Tecnologia
Projeto Gráfico NE Notícias - Leia hoje as notícias de amanhã Todos os direitos reservados